sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Dupla tentativa de homicídio seguida de suicídio chocam a cidade de Ivaiporã

POR LUCIA LIMA JPC - Ademar Martins do Nascimento, 34 anos, natural de Cambé/PR, tentou matar a ex-mulher Laila Xavier de Morais, 22 anos, e o cunhado Maurílio de Morais Júnior, 20 anos, que é irmão de Laila Morais. 

A dupla tentativa de homicídio aconteceu na Rua Rio Claro, 50, em Ivaiporã, nesta sexta-feira, dia 18 de dezembro, por volta das 10h00, quando Ademar Nascimento cometeu suicídio com um tiro – aparentemente no ouvido direito. Não foi possível confirmar no momento do ato devido à quantidade de sangue. 


Os irmãos Laila Morais e Maurílio Júnior foram socorridos imediatamente pelo Corpo de Bombeiros de Ivaiporã e transferidos em estado grave para o Instituto de Saúde Bom Jesus (ISBJ), onde Laila Morais se encontrava no centro cirúrgico, por volta das 11h30, e Maurílio Júnior na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). À tarde, ele será operado. 

Por enquanto não foi possível levantar dados sobre qual parte do corpo das vítimas foi atingida com tiros dados pelo suicida. 

O capitão Élio Boing, subcomandante da 6ª Companhia Independente de Polícia Militar de Ivaiporã, e demais policiais estiveram na cena do crime, assim como o delegado da 54ª Delegacia de Polícia Civil de Ivaiporã, Gustavo Dante, e os investigadores Osias Ienzen e Aparecido Pinto da Silva. 

Conforme apurou o delegado e os investigadores, Ademar Nascimento pulou o muro de uma casa, na Rua Rio Claro, 50. Em seguida, estourou a porta dos fundos da cozinha com um pontapé e invadiu a residência onde Laila Morais trabalhava como manicure. O irmão Maurílio Júnior tentou evitar o assassinato de Laila Morais. Houve luta corporal entre os três. Ademar Nascimento atirou nos irmãos e, em seguida, cometeu suicídio próximo a uma árvore. 

O IML (Insttituto Médico Legal) de Ivaiporã foi acionado, verificados e recolhidos objetos pessoais que se encontrava nos bolsos, como Carteira de Identidade, cigarro e chave, e entregues ao delegado Gustavo Dante. 

“O crime chocou a cidade. O inquérito policial foi instaurado e será concluído no prazo de 30 dias. As circunstâncias do crime serão investigadas. Mas acredito que se trata de fato passional, porque Ademar Nascimento é ex-marido de Laila Morais. No entanto, é uma análise preliminar”, declarou Gustavo Dante. 

O delegado lembrou que, há mais de um ano, não há casos de homicídio em Ivaiporã. “É o resultado da boa ação da Polícia Militar e da Polícia Civil, que é cada vez mais ágil na apuração dos delitos, o que refletem na diminuição dos crimes”, analisou Gustavo Dante, acrescentando que 
O último homicídio apurado pela Polícia Civil aconteceu no dia 18 de abril, quando Gelson Pereira Rios, 60 anos, foi assassinado Josmar Prestes (Josi) com um golpe de arma branca no pescoço, distrito de Santa Bárbara. 

Com informações do Jornal Paraná Centro

Nenhum comentário:

Postar um comentário