sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Sábado é dia de Hora H contra o mosquito da dengue


Está programado às 10h da manhã deste sábado (6) na Praça da República em Borrazópolis, um momento de todos agirem para ajudar a acabar com o Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e do chikungunya.

Nossa cidade vem combatendo diariamente o mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, mas com a união de todos poderemos vencer o mosquito e evitar essas doenças sérias. A sua  participação é fundamental para vencer a luta contra o mosquito da dengue, abaixo segue uma lista em que você pode fazer em sua casa. 

Principais tipos de criadouro
  • Certificar que caixa d’água e outros reservatórios de água estejam devidamente  tampados;
  • Retirar folhas ou outro tipo de sujeira que pode gerar acúmulo de água nas calhas;
  • Guardar pneus em locais cobertos;
  • Guardar garrafas com a boca virada para baixo;
  • Realizar limpeza periódica em ralos, canaletas e outros tipos  escoamentos de água;
  • Limpar e retirar acúmulo de água de bandejas de ar-condicionado e de geladeiras;
  • Utilizar areia nos pratos de vasos de plantas ou realizar limpeza semanal;
  • Retirar água e fazer limpeza periódica em plantas e árvores que podem acumular água, como bambu e bromélias;
  • Guardar baldes com a boca virada para baixo;
  • Esticar lonas usadas para cobrir objetos, como pneus e entulhos;  
  • Manter limpas as piscinas;
  • Guardar ou jogar no lixo os objetos que pode acumular água: tampas de garrafa, folhas secas, brinquedos;
Como eliminar os focos
  • Lavar as bordas dos recipientes que acumulam água com sabão e escova/bucha;
  • Jogar as larvas na terra ou no chão seco;
  • Para grandes depósitos de água e outros reservatórios de água para consumo humano é necessária a presença de agente de saúde para aplicação do larvicida;
  • Em recipientes com larvas onde não é possível eliminar ou dar a destinação adequada, colocar produtos de limpeza (sabão em pó, detergente, desinfetante e cloro de piscina) e inspecionar semanalmente o recipiente, desde que a água não seja destinada a consumo humano ou animal. Importante solicitar a presença de agente de saúde para realizar o tratamento com larvicida.
Saiba como efetuar a limpeza de objetos usados para armazenamento de água
Tampar e lavar reservatórios de água são ações importantes para o combate ao Aedes aegypti. A limpeza deve ser periódica com água, bucha e sabão.
Ao acabar a água do reservatório, é necessário fazer uma nova lavagem nos recipientes e guardá-los de cabeça para baixo. Esse cuidado é essencial porque os ovos do mosquito podem viver mais de um ano no ambiente seco.
Recomendações de utilização da água sanitária:
Água sanitária também poder ser utilizada no combate às larvas. Mas é importante lembrar que ela NÃO PODE ser utilizada em recipientes usados para armazenamento de água para consumo humano e de animais.


Nenhum comentário:

Postar um comentário