quinta-feira, 14 de abril de 2016

Justiça liberta jovem acusado de matar o conhecido Queijão em Borrazópolis


Moradores da cidade de Borrazópolis, estão revoltados após um jovem de nome Giovani Augusto de Souza, 22 anos, acusado de ter agredido violentamente e de ter provocado a morte de Donizete Alves Arante, conhecido como “Queijão”, ter sido libertado pela Justiça, na tarde desta quinta-feira, 14 de Abril de 2016.

O crime ocorreu na noite, do dia 03 de abril de 2016, quando a equipe de serviço através do Sgt Adami, Sd Eduardo e Sd Brocoli, foram acionados por um homem de 50 anos relatando que Donizete Alves Arantes, conhecido como "Queijão" havia sido agredido na Rua Piauí, 1511 e que a ambulância já estava no local fazendo o atendimento.

No local a PM fez contato com populares, os mesmos relataram que um jovem de nome Giovani Augusto de Souza havia agredido de forma brutal o amásio de sua mãe o "Queijão", e teria se evadido pelo fundo da residência, esta equipe então em buscas pela região logrou êxito e encontrar o autor na rua Território do Guaporé frente ao numero 47 e o mesmo recebeu voz de prisão pelo crime de Lesão Corporal.

De acordo com a PM, o jovem ainda teria agredido a própria mãe, que também chegou a ser encaminhada ao hospital, no entanto, já foi liberada.

Esta equipe então entrou em contato com o Hospital Municipal de Borrazópolis para verificar as condições físicas da vítima, foi informado que ela estava em estado grave com possível traumatismo craniano e seria necessário entuba-lo e transferido para a cidade de Apucarana para melhor suporte, sendo assim o autor do fato foi encaminhado para a 53º DRP de Faxinal para as providencias cabíveis.

E na madrugada de quarta-feira (6), internado na UTI no Hospital da Providência em Apucarana, em estado grave, não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário