sábado, 9 de julho de 2016

Polícia Militar Ambiental de Apucarana registra crime ambiental em Borrazópolis


A Polícia Militar Ambiental do Pelotão de Apucarana, esteve no dia 08 de julho, em Borrazópolis, onde foi constatado um suposto crime ambiental na área rural. Após denúncia, foi feita a averiguação de uma situação de corte de árvores nativas. "Ao chegar  no local, se constatou que as árvores eram duas canafistola, um pau d'alho e uma peroba rosa. Elas estavam na divisa de duas propriedades, o envolvido, por não ter nenhum tipo de autorização ambiental,  foi conduzido até o destacamento PM para a elaboração do Termo Circunstanciado. O vizinho denunciante fez questão de acompanhar a todo momento a fiscalização da equipe e ainda nos acompanhou até o destacamento PM e foi  testemunha dos fatos, uma vez que ele tinha grande estima pelas árvores, em especial pela peroba,  que segundo ele,  foi plantada no ano de 1994". O nome do agricultor não foi divulgado, informações do Boletim da Polícia Militar Ambiental.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário