quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Greve dos bancários chega a Borrazópolis


A greve dos bancários no Paraná, que começou no dia 6 de setembro, completa 17 dias nesta quinta-feira (22), ainda sem avanço nas negociações. E na data de ontem (21) o Sindicato dos Bancários fechou também a agência do Banco do Brasil de Borrazópolis, que atende clientes das cidades vizinhas de Cruzmaltina e Kaloré (que não contam com agências do Banco do Brasil).

Nestas três semanas, 824 agências e dez centros administrativos fecharam em todo o estado e mais de 19 mil trabalhadores estão de braços cruzados, entre eles estão algumas agências das cidades do Vale do Ivaí, como: Apucarana, Arapongas, Ivaiporã, Faxinal, Jandaia do Sul,  São João do Ivaí, São Pedro do Ivaí e outras.

A última proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) apresentada ao Comando Nacional dos Bancários, no dia 13 de setembro, e que foi recusada pela categoria, foi um reajuste de 7% nos salários e demais benefícios, mais abono de R$ 3.300. Desde o início da paralisação, já ocorreram oito rodadas de negociação.

Em Borrazópolis, a greve não prejudica o atendimento nos caixas eletrônicos da agência B.B, e os clientes ainda tem a opção de buscar atendimento no Correios, Lotérica Zebra da Sorte, ou nas cooperativas de crédito, que são: Cresol e Sicredi. Também há um posto avançado do Bradesco, todos funcionando normalmente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário