quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

TCE-PR aponta inviabilidade de municípios com menos de 5 mil habitantes

11 Cidades do Vale do Ivaí poderão sofrer fusão

Exemplo - Marumbi com 4755 habitantes
Um estudo técnico do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) propõe a fusão de 96 municípios que possuem menos de cinco mil habitantes no Paraná. A ideia é reduzir custos e melhorar os serviços públicos nessas cidades. A proposta demorou cerca de um ano para ser concluída e foi encaminhada ao Tribunal de Contas da União (TCU).

Muitos dos municípios que, atualmente, têm nas transferências federais a maior parte ou a totalidade de suas receitas, por não terem condições econômicas próprias de se sustentar, foram criados ao longo da década de 1990. "A realidade hoje é de enxugamento de despesas, de redução da máquina, para a aplicação dos recursos nas áreas que são mais necessárias ao cidadão, como saúde, educação, segurança.",disse Bonilha.

Ainda conforme Bonilha, a proposta principal é fazer um debate sobre o assunto. "Nós queremos mostrar que existe um caminho para que a comunidade desses municípios pequenos sejam melhor atendidos. Nós entendemos que eles serão muito melhor atendidos, esses munícipes, se forem parte de um município maior do que serem especificamente um município autônomo, mas sem recursos e estrutura para prestar bons serviços".

No Paraná, há 96 municípios com população inferior a 5.000 habitantes - 24% do total, de 399. Em todo o país são 1.300 municípios nessa condição. O estudo conclui também que os municípios paranaenses na faixa entre 50 mil e 250 mil habitantes são os que apresentam os melhores índices de desenvolvimento e de qualidade de vida da sua população.

Veja os municípios do Vale do Ivaí com menos de cinco mil habitantes.

Marumbi - 4755
Kaloré - 4438
Rio Branco do Ivaí - 4088
Lidianópolis - 3774
Corumbataí do Sul - 3749
Arapuã - 3426
Rio Bom - 3360
Godoy Moreira - 3245
Cruzmaltina - 3147
Novo Itacolomi - 2907
Ariranha do Ivaí - 2359

Nenhum comentário:

Postar um comentário