segunda-feira, 1 de outubro de 2018

Confira o Resumo da Sessão da Câmara de Vereadores de Borrazópolis


A Câmara Municipal de Vereadores de Borrazópolis realizou a sessão ordinária na última segunda-feira, 24 de setembro, a partir das 20h, sob a presidência do vereador Marcelo Pires. Confira o resumo. ATA DE N° 027/2018-DA SESSÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE BORRAZÓPOLIS. Aos vinte e quatro dias do mês de setembro, do ano de dois mil e dezoito, às vinte horas, reuniu-se os vereadores, na Câmara Municipal, em Sessão Ordinária, os quais assinaram livro de presença: Marcelo Pires Rodrigues, Wellyngton Jhonis Valentim, Otair Aparecido da Silva Senes, João Cândido Ferreira, Rosimar Gonçalves de Cerqueira, Selma Maria de Oliveira Silva, Cesar da Silva Soares, Osvaldino Mendes da Silva e Arnildo Basílio Vieira. No horário regimental, o Senhor Presidente, verificando número legal, deu por aberta a Sessão. Inicialmente cumprimentou a todos, e colocou a ata da sessão anterior, em discussão, sem manifestação foi posta em votação, sendo votada e aprovada por unanimidade. Passando para ordem o dia, foi feita a leitura do Projeto de Lei nº 029/2018, o qual dispõe sobre a autorização do orçamento fiscal e de seguridade social do Município de Borrazópolis para o Exercício de 2019. Após a leitura o Senhor Presidente solicitou o parecer da Comissão de Finanças e Orçamentos, obtendo parecer favorável, com uma emenda modificativa. O Senhor Presidente solicitou a leitura da emenda ao projeto de Lei, onde modicava Art. 5º, passando a autorização para que o Executivo efetuasse a abertura de Credito Adicional Suplementar de 25% (vinte e cinco por cento), para 5% (cinco por cento).
A emenda foi posta em discussão. Fez uso da palavra o vereador Rosimar Gonçalves de Cerqueira, e disse que a comissão havia apresentado uma emenda, reduzindo a autorização para abertura de credito suplementar, por decreto, de 25% (vinte e cinco por cento) para 5% (cinco por cento), para que os vereadores pudessem acompanhar melhor a execução orçamentária. Fez uso da palavra o vereador Arnildo Basílio Vieira, e disse que no ano de 2018 os vereadores não acompanharam a execução Orçamentária, devido o orçamento já constar uma autorização para abertura de credito suplementar bem elevado, e as comissões estudaram o Projeto e decidiram fazer uma emenda modificativa, reduzindo a abertura de credito suplementar, via de credito de 25% (vinte e cinco por centos) para 5% (cinco por cento), com essa medida os vereadores poderiam acompanhar a execução do orçamento. Fez uso da palavra o vereador Wellyngton Jhonis Valentim, primeiramente cumprimentou a todos e parabenizou a Comissão pela proposta de emenda, Para que os vereadores pudessem acompanhar melhor os trabalhos do Executivo. Sem mais manifestação, a emenda foi posto em votação, sendo votada e aprovada por unanimidade, em primeira discussão. O Projeto de Lei emendado foi posto em discussão. Sem manifestação, foi posto em votação, sendo votado e aprovado por unanimidade, em primeira discussão. Passando para explicações pessoais. Fez uso da palavra o vereador Cesar da Silva Soares, primeiramente cumprimentou a todos e parabenizou a Comissão de finanças e orçamento, pela emenda apresentada. Fez uso da palavra o vereador Arnildo Basílio Vieira, primeiramente cumprimentou a todos e convidou a todos para audiência pública que seria realizada no 26/09/2018, na Câmara Municipal, disse que seria muito importante a presença de todos. Disse que a emenda deveria ser reduzida para 2% (dois por cento), mas após estudo a Comissão de Finanças e Orçamentos decidiu que seria reduzido para 5% (cinco por cento). Parabenizou os organizadores da festa da APAE, que havia acontecido na cidade. Fez uso da palavra o vereador João Cândido Ferreira, primeiramente cumprimentou a todos e disse que o Senhor Fabio Couto Rosa, havia pedido para avisar que no dia 25/09/2018 as 8:30 da manhã, na sorveteria do Alemão, seria colocado um telão, para a população acompanhar uma mátria na TV Educativa, onde seria apresentado o turismo de Borrazópolis. Fez uso da palavra o vereador Wellyngton Jhonis Valentim, primeiramente cumprimentou a todos e agradeceu os vereadores que esteve presente na visita do Deputado Evandro Junior. Disse que havia recebido uma reclamação de um morador do Bairro Placa São Vicente, onde a agua das chuvas estavam inundando as minas, causando transtornos em algumas localidades do Bairro Placa São Vicente. Disse que havia sido bastante cobrando a respeito do ônibus dos Universitários, também dos banheiros na praça. Solicitou que o Poder Público Municipal resolvesse essas situações. Parabenizou o Fabio Couto da Rosa pela apresentação do telão falando sobre o turismo de Borrazópolis. Fez uso da palavra o vereador Otair Aparecido da Silva Senes, primeiramente cumprimentou a todos, e disse que era muito importante a participação da comunidade nas reuniões da Câmara, pois, tinham muitas matérias de grande importância para comunidade. Disse que no Bairro Placa São Vicente tinha uma mina entupida, já fazia uns seis meses, já havia feito a solicitação para que o executivo encaminhasse uma retro escavadeira para desentupir, mas até o momento não havia mandado, disse que era uma vergonha, pois, era serviço de dez minutos. O vereador Wellyngton pediu um aparte, e foi concedido, e disse que era importantes os vereadores fazer a reivindicação, para que o Executivo encaminhasse uma retroescavadeira o mais rápido possível para desentupir a mina, pois, os moradores estavam sofrendo com tal situação. O vereador Otair Aparecido da Silva Senes, disse que havia recebido uma reclamação dos moradores do Conjunto Habitacional Bela Vista, sobre a poeira que a Cocari, estava gerando, causando transtornos aos moradores daquela localidade. Disse que havia conversado com o Advogado da Prefeitura e ele havia orientado a fazer um abaixo assinado dos moradores, e que o abaixo assinado fosse encaminhado ao Ministério Público. O vereador disse que a Saúde de Borrazópolis estava um caos, as consultas estavam demorando de vinte a trinta dias, para serem marcadas, e para uma cidade do tamanho de Borrazópolis, isso era uma vergonha. O vereador Arnildo Basílio Vieira, pediu um aparte ao vereador, e foi concedida, e disse que nunca tinha visto ter que agendar consulta com médicos do SUS, isso não poderia continuar acontecendo no município. O vereador Wellyngton Valentim, parabenizou o vereador Otair Aparecido da Silva Senes, por ter falado das dificuldades que a saúde de Borrazópolis estava enfrentando, disse que também recebia varias reclamações da população, e isso tinha que ser revisto. O vereador Otair Aparecido da Silva Senes disse que a população tinha que ser atendida com mais respeito e não com politicagem. Fez uso da palavra o vereador Rosimar Gonçalves de Cerqueira, primeiramente cumprimentou a todos e disse que a emenda apresentada reduzindo o percentual de 25% (vinte e cinco por cento) para 5% (cinco por cento) era uma maneira dos vereadores poderem acompanhar melhor a execução orçamentária. Disse que a saúde do Município estava preocupante, disse que já havia feito reuniões informais com o secretário da saúde, mas era bom fazer uma reunião no plenário com a população. Discorreu sobre os projeto que ainda estava nas comissões. Fez uso da palavra o vereador Osvaldino Mendes da Silva disse que a emenda foi uma iniciativa muito boa, pois, os verdores iria poder acompanhar melhor a execução orçamentária do Município. Disse que as estradas rurais necessitava de manutenções, e o Prefeito tinha que acompanhar de perto os trabalhos das estradas. O senhor Presidente reforçou o convite da Audiência Pública que seria realizada no dia 26/09/2018, as 19:00 (dezenove horas) na Câmara Municipal de Borrazópolis, fez suas considerações finais agradeceu a presença de todos e encerrou a sessão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário