segunda-feira, 6 de maio de 2019

Prazo de regularização para eleitores faltosos encerra-se em 6 de maio


Termina nesta segunda-feira (6) o prazo dado pela Justiça Eleitoral para regularizar o título de eleitor de quem não votou nem justificou a ausência nas últimas três eleições. Restando poucos dias para o fim do prazo, tinham resolvido a pendência apenas 3% dos mais de 2,5 milhões de brasileiros em situação irregular com a Justiça Eleitoral.

Quem não votou nas últimas três eleições, contando os dois turnos do pleito de 2018, nem justificou as ausências, terá o título cancelado se não procurar o cartório eleitoral até esta segunda-feira. Quem tem o título cancelado fica proibido de tirar passaporte, receber salários de função ou emprego público, participar de concursos públicos, obter empréstimo de bancos estatais ou mesmo renovar a matrícula em estabelecimento de ensino oficial.

Para regularizar a situação com a Justiça Eleitoral é preciso pagar uma multa que é de aproximadamente R$ 3,50, além de comparecer ao cartório eleitoral mais próximo com documento oficial com foto, comprovante de residência e o título, caso ainda o possua. 

Para pagar a multa, o eleitor pode imprimir a Guia de Recolhimento da União na página do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na internet. Basta acessar a seção de Serviço ao Eleitor e clicar em Título de Eleitor e, em seguida, no botão Quitação de Multa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário