quinta-feira, 6 de junho de 2019

Na segunda edição, Prova Paraná vai avaliar a fluência dos alunos

A segunda edição da Prova Paraná, que acontece no dia 11 deste mês em todas as escolas da rede estadual de ensino e das redes de 398 municípios, tem uma novidade. É a Prova Paraná Fluência, uma avaliação realizada totalmente por aplicativo de celular. O teste é direcionado para os estudantes do segundo ano do Ensino Fundamental e a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte disponibiliza a ferramenta de avaliação gratuitamente. O superintendente da Educação, Raph Gomes Alves, explica que a Prova de Fluência é um instrumento que avalia desde a oralidade e a gramática, até a capacidade de interpretação de texto. A avaliação possui metodologia e estratégia próprias para identificar a fluência dos estudantes a partir de três testes: leitura de palavras dicionarizadas, leitura de pseudopalavras e leitura de texto. No primeiro teste, de leitura de palavras dicionarizadas, o estudante deve ler uma lista de palavras não complexas para o celular e o aplicativo capta quantas palavras são pronunciadas corretamente em um tempo de 60 segundos. No segundo teste, de leitura de pseudopalavras, o aluno deve ler uma lista de palavras que não existem no dicionário. O objetivo, segundo o superintendente Raph Gomes Alves, é identificar se o aluno é de fato capaz de decodificar as sílabas e a combinação delas. Já o terceiro teste, de leitura de texto, avalia a gramática, o ritmo e a interpretação. O aluno deve ler em voz alta um texto simples e, depois, responder algumas perguntas. A prova de fluência deve ser aplicada individualmente para cada aluno, em sala separada, para que o aplicativo capte a voz do estudante com a maior clareza possível. Os profissionais aplicadores são indicados pelas Secretarias Municipais de Educação e capacitados para os testes. As respostas captadas pelo celular são corrigidas, analisadas e, depois, disponibilizadas para as escolas. Os resultados indicam o perfil de leitor de cada aluno que, nas etapas da alfabetização, podem ser pré-leitores, leitores iniciantes e fluentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário