quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Borrazópolis recebe o projeto Cinema na Praça com exibição de filmes ao ar livre para a população


A cidade de Borrazópolis vai receber neste sábado (19), a partir das 20h30min em frente do Banco do Brasil, o projeto Cinema na Praça da Secretaria de Cultura do Estado do Paraná. O projeto vem para Borrazópolis por intermédio da Prefeitura Municipal através do Departamento de Cultura e Lazer e com apoio do Instituto Renault e a Motion Picture Association – MPA. O projeto propõe levar diversão e cultura para cidades pequenas que não possuem cinemas de rua ou em centros comerciais e promover a economia local com o comércio de doces, salgados e refrigerantes.

O Cinema na Praça percorre os principais municípios do Paraná exibindo filmes de produção infantil e de classificação livre em praça pública. O filme escolhido para este ano é Hotel Transilvânia, produção infantil de classificação livre. O enredo conta a história de Conde Drácula e amigos monstros no aniversário de 118 anos de sua filha. Drácula é o proprietário do Hotel Transilvânia, espaço luxuoso de cinco estrelas onde as criaturas do universo fantástico se refugiam para se esconder dos seres humanos.

Uma carreta com um painel de LED, de 7, 6 metros por 2,5 metros, vai percorrer 30 municípios da região do Vale do Ivaí entre 12 de outubro e 15 de dezembro. As sessões acontecerão sempre nas praças entre sexta-feira e domingo, às 19 horas, cada uma com 400 cadeiras.

O governador Carlos Massa Ratinho Junior destacou que o programa tem cunho cultural e social. “Muitas vezes as crianças e as pessoas não têm condições financeiras de ir ao cinema. A carreta vai levar essa possibilidade de acesso, que é algo mágico. É um programa inovador que vai levar cultura para perto das pessoas. Ela não pode ser restrita a um pequeno nicho da sociedade”, afirmou.

Segundo o secretário de Comunicação Social e da Cultura, Hudson José, o projeto é um presente de Dia das Crianças que vai se prolongar até o final do ano. “É uma mensagem de diversão, cultura e alegria. Queremos que o Estado esteja perto das pessoas, que seja inclusivo e gere oportunidades na área cultural”, comentou.


Nem todos têm a oportunidade de frequentar salas de cinema na região ou mesmo ter em casa canal de filmes. Trata-se de uma ótima opção de lazer e entretenimento para a população que pode levar suas famílias inteiras para ver um bom filme onde a programação é voltada para o contexto familiar. ”, frisou o prefeito "Didi".

Nenhum comentário:

Postar um comentário