Procure a matéria - Aqui

SLIDES

quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Produtor precisa atualizar o cadastro de todos os animais

O Ministério da Agricultura suspendeu a vacinação contra Febre Aftosa no Paraná. Assim, não é mais necessário vacinar contra Febre Aftosa. A partir de agora teremos que fazer a proteção do rebanho com outras ações. A evolução da situação sanitária exige o aprimoramento do cadastro agropecuário e o fortalecimento da vigilância para Febre Aftosa, além do controle rigoroso da movimentação de animais. A retirada da vacinação dará uma maior garantia da qualidade do rebanho paranaense, o que permitirá a conquista de novos mercados internacionais para os produtos agropecuários, principalmente de bovinos, suínos e aves. O produtor não precisará mais vacinar seus animais contra Febre Aftosa, mas continuará com o compromisso de atualizar seus rebanhos ( bovinos, búfalos, ovinos, caprinos, suínos, cavalos, jumentos, burros, aves e peixes) em Maio e Novembro. Comprovação Obrigatória para todos os produtores que possuem animais de produção, durante o período da Campanha. Obtenha e entregue duas vias do Comprovante de Atualização dos rebanhos. Qualquer dúvida entrar em contato com as Unidades da ADAPAR , Escritório de Atendimento Municipal, Sindicatos cadastrados ou pela internet acessando www.adapar.pr.gpv.br. O prazo para o cadastro será de 1.º a 30 de novembro de cada ano. O procedimento deverá ser repetido entre os dias 1.º e 31 de maio de cada ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário