Procure a matéria - Aqui

SLIDES

segunda-feira, 1 de junho de 2020

Morre em Apucarana o Padre Egídio de Vidi, aos 95 anos

Foto Arquivo: Diocese de Apucarana
A Diocese de Apucarana informou através das redes sociais e em seu portal, que infelizmente faleceu nesta segunda-feira, dia 01/06/20, o querido Padre Egídio de Vidi, aos seus 95 anos.

"É com pesar que a Diocese de Apucarana comunica o falecimento do Padre Egídio de Vidi de 95 anos. A nossa Igreja particular agradece a Deus por nos ter dado este sacerdote exemplar, tendo passado por várias atividades pastorais, pároco e muito atuante durantes todos esses anos. Nós, bispo, padres, diáconos, seminaristas, religiosos, leigos e leigas, nossa gratidão ao Pe. Egídio por tão belo testemunho deixado. A qualquer momento estaremos informando detalhes de Missa de corpo presente e sepultamento", diz a nota.

O Padre havia sofrido um acidente vascular cerebral isquêmico (AVCI) e se encontrava internado no Hospital da Providência.

Ele nasceu na Itália em 26 de dezembro de 1924, em seus 60 anos de vida sacerdotal, padre Egídio passou pelas cidades de Macapá (AP), Assis (SP) e Apucarana. Em sua vida religiosa, antes de chegar na Cidade Alta, atuou como professor de Música, Matemática e Desenho em instituições religiosas, resultado de sua formação acadêmica anterior ao sacerdócio ainda na Itália, onde cursou três anos de Engenharia Eletrônica.

Em janeiro deste ano o padre recebeu uma homenagem do 10º Batalhão da Polícia Militar de Apucarana pelos serviços prestados como capelão durante 42 anos, aos policiais e bombeiros militares.


VELÓRIO E SEPULTAMENTO
A Santa Missa de corpo presente com exéquias celebrada pelo Bispo Diocesano Dom Carlos José de Oliveira, será realizada às 16h na Catedral Diocesana Nossa Senhora de Lourdes em Apucarana, em seguida saíra em cortejo para as honras militares e para o sepultamento; seguindo todas as recomendações de prevenção da COVID-19.

Em nota, nossa página B.N, deseja os votos de pesar neste momento difícil em que a família esta passando.

Nenhum comentário:

Postar um comentário