Procure a matéria - Aqui

SLIDES

segunda-feira, 20 de julho de 2020

HU de Londrina recebe mais 57 leitos exclusivos para Covid-19

O Governo do Estado entregou nesta segunda-feira, mais 57 leitos para o Hospital Universitário de Londrina. São 32 leitos de UTI , sendo 20 adulto e 12 pediátrico e 25 leitos de enfermaria exclusivos para pacientes Covid-19. O Hospital, que pertence ao Estado e é vinculado à Universidade Estadual de Londrina, passa agora de 48 para 80 leitos UTI e de 96 para 121 leitos de enfermarias. O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, disse que com a liberação destes novos leitos, a taxa de ocupação que era até a manhã desta segunda-feira de 83% entre as UTIs, ficará em 51%. A nova estrutura funcionará como Hospital de Retaguarda Covid-19 para 97 municípios da região Norte. Hospital de Retaguarda foi ativado com 28 leitos na primeira quinzena de junho. Agora foram mais 57 leitos e até o dia 30 de julho serão liberados mais 30, sendo 10 UTI adulto e 25 enfermaria, totalizando 120 leitos de retaguarda para uso exclusivo de pacientes suspeitos ou confirmados Covid-19. A nova estrutura foi instalada no prédio em que posteriormente ficará a nova maternidade do HU. São cerca de 5 mil metros quadrados distribuídos em três pavimentos em que vão funcionar 120 leitos até a última ativação de leitos, em 30 de julho. Quando todos os leitos estiverem liberados, a estrutura de UTIs do Hospital Universitário de Londrina será a maior de todo o Estado. Beto Preto alertou que não basta ampliar leitos, é preciso ter pessoas qualificadas e bem treinadas para atuar nesse tipo de serviço e que o Governo do Estado vai continuar ampliando ainda mais o atendimento aos pacientes mais grave da doença. O serviço e a qualificação necessária já impactaram na liberação de mais leitos nesta etapa em Londrina. A previsão era a de que seriam liberados mais leitos, mas a primeira seleção de profissionais não chegou ao número suficiente para atender a demanda. Além do HU em Londrina, ainda nesta semana serão ativados mais 34 leitos de UTI no Estado. Na quinta-feira serão liberados mais 14 leitos no Hospital de Reabilitação, unidade que integra o Complexo Hospitalar do Trabalhador em Curitiba, e outros 20 leitos no Hospital Regional de Guarapuava, totalizando 1.025 leitos do tipo Unidade de Terapia Intensiva exclusivos para pacientes Covid-19, criados pelo governo do estado desde o início da pandemia. O investimento do Governo do Paraná no Hospital de Retaguarda Covid-19 foi de aproximadamente 28 milhões de reais, além de investimentos da prefeitura de Londrina, da Câmara Municipal e recursos próprios do hospital.

Fonte: A.E.N do Paraná.

Nenhum comentário:

Postar um comentário