Procure a matéria - Aqui

SLIDES

sexta-feira, 25 de setembro de 2020

Suspeito em carro de Borrazópolis mata travesti em Londrina




ATUALIZADO - Segundo o Portal da RIC Mais, uma travesti de nome João Paulo Francisco de Oliveira, de 23 anos, que se identificava como Sandra Beatriz Rangel, foi morta com tiros no rosto na madrugada desta sexta-feira (25), em um motel localizado às margens da Avenida Brasília, na BR-369, em Londrina, no norte do Paraná.

Segundo as primeiras informações da Polícia Militar (PM), o suspeito chegou conduzindo um veículo Fiat Palio com placas de Borrazópolis, enquanto minutos depois, a travesti chegou em um carro de aplicativo. O suspeito e a travesti discutiram na garagem de uma suíte, entraram em luta corporal e o homem atirou.

A vítima foi atingida por três disparos de arma de fogo na garagem de um dos quartos. Neste momento, o porteiro do motel informou que trancou os portões do estabelecimento e, logo em seguida, o suspeito tentou fugir com o veículo, mas foi impedido de deixar o local. Ele pulou o muro e fugiu.

Após os disparos, segundo a PM, a travesti ainda foi atropelada pelo suspeito. Depois de pular o muro do estabelecimento, o suspeito deixou o local com ajuda de um motorista de um aplicativo.

A Polícia Civil informou que o motorista de aplicativo já foi ouvido e relatou que deixou o suspeito do crime em um posto de combustíveis.

A identificação do autor, ocorreu por meio de um documento que ele deixou cair dentro do veículo.

Mais tarde no IML a Polícia informou que identificou o assassino e que ele não seria de Borrazópolis. Na verdade, o veículo está em nome de uma moradora, das inicias R. S. B., que ainda reside na cidade, mas vendeu o automóvel, o qual ainda não foi transferido. Ela disse inclusive que tem comunicação de venda.


Fonte: Ric Mais/ Foto Londrina News

Nenhum comentário:

Postar um comentário